369.

Recusava-se a percorrer o já conhecido único caminho que o levaria ao ponto desejado, seguindo sempre por alguma via paralela, contentando-se com uma ou outra possibilidade de visualização do seu cobiçado destino, certo de que um dia encontraria um desvio obrigatório que o faria chegar a ele, sem que ninguém pudesse dizer que ele havia deliberadamente tomado aquela direção.

~ por Sérgio G. Alves em 25/04/2011.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: